Com base na premissa do autoconsumo remoto da RN 687, as farmácias Pague Menos devem investir em minigeração solar capaz de gerar créditos em energia para todas as suas lojas. A rede conta com 1005 lojas e 4 centros de distribuição além da matriz em Fortaleza. A expectativa é que a geração solar compense o consumo de todas estas unidades, proporcionando economia com energia elétrica estimada em R$ 11 milhões por ano, a partir de 2019.

A Pague Menos já gera energia para unidades no Ceará e em Goiás desde 2015. A empresa Hélio Energias instalou um sistema FV com 588 módulos solares na cobertura de centros de distribuição destas localidades. Já em 2016, a mesma empresa instalou um parque gerador solar em Hidrolândia (GO), capaz de suprir toda a demanda do centro de distribuição local da Pague Menos e ainda abastecer mais duas farmácias da cidade.

Em outubro do ano passado, a Pague Menos firmou acordo com a Prátil, empresa de energia alternativa da Enel, para montagem de um condomínio solar com 1.060 kWp de potência instalada para autoconsumo remoto.

A notícia é do Canal Energia, e pode ser conferida na íntegra aqui.